Funcionário da Junta denuncia desvio

Um desempregado colocado pela Centro de Emprego ao serviço da Junta de Freguesia de Almeirim é suspeito de se ter apropriado de cimento da câmara que se destinavam a uma obra na Tapada.

O presidente da junta apresentou queixa depois de juntar os funcionários de ter obtido versões contraditórias.
O caso ocorreu em novembro, mas só agora o colega fez a denúncia.
Os dois funcionários estão a trabalhar na Junta até agosto através de um programa ocupacional do Centro de Emprego de Santarém.

Publicidade

Se até lá, a justiça tomar uma decisão, o Presidente da Junta, Joaquim Catalão, admite tomar medidas. Até lá os funcionários continuam normalmente ao serviço.

.