Corrida da Família. Nuno Marques revela ambição do grupo chamusquense triunfar em Almeirim

Na corrida do próximo dia 1 de junho, na Monumental de Almeirim, estão confirmadas as dinastias Telles e Moura. João Moura, António Ribeiro Telles, Manuel Telles Bastos e Miguel Moura são os cavaleiros.
Será também a oportunidade de Nuno Marques se despedir dos aficionados de Almeirim, a terra adotiva do cabo dos forcados Amadores da Chamusca. Estarão ainda em Almeirim, os forcados de Vila Franca. Vão ser lidados seis toiros da ganadaria Vinhas.
A corrida começa às 17h30 e com preços a partir de 10 euros.

 

Ficou satisfeito com o convite para a corrida de dia 1 junho em Almeirim?
Extremamente satisfeito, foi mais um claro sinal de sensibilidade e assertividade empresarial de Rui Bento Vasques ao contratar os Amadores da Chamusca para a sua primeira corrida como gestor da praça de toiros de Almeirim.

O cartel apresenta uma boa combinação entre veterania/experiência com a juventude?
Sim, é um cartel muito interessante, diferente, penso que abrange de um modo transversal os gostos dos aficionados almeirinenses.

Também nas pegas haverá uma competição de salutar com o grupo de Vila Franca?
se me permite a imodéstia, penso que nas pegas estarão dois dos melhores grupos da atualidade, grupos que gostam de desafios, de enfrentar ganadarias duras e sérias…gostamos de pegar com os melhores e Vila Franca tem a nossa admiração e respeito.

Tem boas recordações da Praça de Almeirim?
Tenho muitas e boas recordações, no historial dos amadores da chamusca perpetuam memoráveis atuações nesta praça, eu também aqui vivi alguns dos meus melhores momentos como forcado e enquanto cabo do grupo.

Mantiveram para esta temporada a estrutura do grupo?
Sim a estrutura mantém-se com o regresso de alguns elementos que recuperaram de lesões graves.

Tem também alguns elementos novos?
Sim, os grupos dependem da sua capacidade de se renovar, de criar doutrina e uma identidade muito própria, é nesse sentido que caminhamos e este ano surgiram vários jovens a querer treinar com o GFAC.

Que perspetivas tem para a temporada 2014?
As perspetivas são as melhores, o grupo comemora o seu 40º aniversário e queremos que seja assinalável.

Esperam triunfar em Almeirim?
Queremos sempre triunfar, em todas as corridas, na de Almeirim queremos ainda mais!

Para si é especial porque no ano da despedida pega na sua segunda terra”?
Sim, Almeirim tem um significado muito especial para mim, é uma cidade que me recebeu como um filho da terra, criei aqui a minha família e descubro novas amizades todos os dias…espero que seja um dia muito especial.

Gostava de ver na praça muitos amigos seus neste dia especial?
Tenho a certeza que estarão nas bancadas muitos amigos, especialmente do GFAC que também tem uma relação única com a cidade, é o grupo mais Almeirinense do país.

.