Não há soluções, há caminhos: 20 de abril

O Evangelho tem frases tão provocatórias que por vezes até parecem engano. Esta, por exemplo: “Ao que tem dar-se-á e ao que não tem até o que tem lhe será tirado.” Parece não só contraditório como injusto. Mas não, no Evangelho “ter” não significa posse de coisas, mas de amor, esse “ter” significa ter abertura, ter espaço para acolher. Quem o tem pode receber sempre mais! Mas quem não tem abertura nem amor não só não pode receber como até desgasta e consome a sua própria realidade, fechado em si. Não tem comunicação. É que a felicidade não vem de ter coisas, mas de ter liberdade e abertura.
Vasco P. Magalhães, sj
ONDE HÁ CRISE, HÁ ESPERANÇA
Um pensamento para cada dia: ver em tudo o que acontece uma oportunidade de crescimento.

.