Editorial – 1 de Maio

No final deste dia 1 de Maio, não posso deixar de sentir uma enorme alegria e satisfação, pelo sucesso da reinauguração da Arena de Almeirim: assisti a um espetáculo digno, com a casa cheia, e que seguramente foi o acontecimento mais falado nos últimos anos, em Almeirim. Sinto que o nosso dever foi cumprido. Este foi um projecto começado na Mesa anterior, na altura da provedoria do meu irmão, Francisco Lobo de Vasconcellos, atualmente Presidente da Mesa de Assembleia Geral, pensado no sentido de renovar uma estrutura que se considerou pouco produtiva para a Santa Casa.

No fundo tínhamos dois ou três espetáculos taurinos por ano, e no resto do ano tínhamos uma estrutura extraordinária num sítio privilegiado da cidade e onde não lhe era praticamente dado nenhum uso. Com este projecto propusemo-nos renovar e requalificar, não só o património, mas também esta zona envolvente. Sinto uma enorme gratidão e quero por isso agradecer.

Agradecer a todo o pessoal da Santa Casa da Misericórdia que se empenhou de alma e coração neste projecto, isto não é um projecto da Mesa, não é um projecto meu de maneira nenhuma, não é um projeto só do Pelouro, é um projecto de todas as pessoas que trabalham na Santa Casa da Misericórdia e que se envolveram com um enorme entusiasmo neste grande movimento de restaurar esta Praça.

Quero agradecer a todos sem excepção, mas muito especialmente, à Equipa de Manutenção da Santa Casa. Quero também agradecer aos lojistas que nos acompanharam desde o primeiro minuto, quero pedir desculpa pelos atrasos, pelos desencontros, pelos momentos de confusão que foram gerados e dar-lhes os parabéns pelos espaços fantásticos que conseguiram, e tenho a certeza serão um sucesso, não só para os próprios, mas também para a dinamização do espaço que já por si é um espaço com grande movimento na cidade de Almeirim.

Quero também agradecer à Câmara Municipal pela estreita colaboração que permite que projectos como este sejam concretizados. E por último, às pessoas de Almeirim, que nos dão alento todos os dias, para continuar a missão que nos foi confiada para o bem comum. Obrigado a todos.

José Lobo Vasconcelos
Provedor da Santa Casa Misiricórdia de Almeirim

.