Agrocluster Ribatejo esteve em Itália no âmbito do projeto europeu Agrirenaissance

O Agrocluster Ribatejo esteve na região de Calábria, em Itália, entre os dias 14 e 16 de maio, a participar na terceira “study visit” do AgriRenaissance, um projeto europeu financiado pelo programa INTERREG Europe, que pretende melhorar as infraestruturas, a excelência e o impacto do I&D no ecossistema agroalimentar regional.

No primeiro dia, a comitiva foi recebida pelo Governo Regional da Região da Calábria, onde foram apresentados os diagnósticos de cada região participante no projeto, nomeadamente, La Rioja (Espanha), Vilnius (Lituânia), Mazóvia (Polónia), Centro (Portugal) e Calábria (Itália). Durante a tarde, foi feito o ponto de situação do projeto por parte do parceiro líder, o Governo Regional de La Rioja, Espanha.

Nos dias 15 e 16 de maio, decorreram visitas a entidades cientifico-tecnológicas e empresas privadas com o objetivo de avaliar as infraestruturas e equipamentos que contribuem para o desenvolvimento e inovação do setor agroalimentar da região. Foram visitadas as três Universidades da Região da Calábria: University of Catanzaro Magna Graecia, Mediterranean University of Reggio Calabria – Dep. Agrária; e Cosenza UNICAL University.

Decorreram ainda visitas à startup “TechNest”, em Cosenza, a incubadora de empresas mais ativa da região calabresa, à empresa “Capua 1880”, que é a maior produtora a nível mundial de óleo essencial de bergamota, obtido através de extração da casca do citrino Bergamota e que é uma das matérias-primas mais onerosa para o setor dos perfumes e essências, às cooperativas agrícolas Minisci Group e Magisa Group, dedicadas ao azeite e arroz, respetivamente e ainda a duas quintas de produção orgânica integrada, que foram a “STATTI 1784” e “Barone G.R. Macri Farmhouse”.

Juntamente com o Agrocluster Ribatejo, esteve presente o stakeholder Luís Pinto de Andrade em representação do Instituto Politécnico de Castelo Branco.

O projeto AgriRenaissance é financiado pela União Europeia, através do programa INTERREG Europe e trata-se de um consórcio formado por representantes das regiões europeias: La Rioja (Espanha); Vilnius (Lituânia), Mazóvia (Polónia), Centro (Portugal) e Calábria (Itália). Tem como objetivo melhorar as políticas e programas de desenvolvimento regional no âmbito do objetivo de Investimento para o Crescimento e Emprego, a fim de aumentar os recursos e capacidades de I&D do setor agroalimentar, estimular a colaboração e fomentar a sua hibridação.

.