Não há soluções, há caminhos: 26 de maio

É necessária muita coragem para saber sofrer, para se calar na hora certa, para se conter e evitar uma questão inútil. Há muitas pessoas que não têm essa coragem e que perante uma situação que as incomoda resolvem: “vou partir a loiça toda”, quando provavelmente a coragem nessa situação estava em saber calar e criativamente encontrar uma alternativa. Para isso é preciso discernimento e autodomínio, rebentar e explodir não tem nada a ver com coragem.
Vasco P. Magalhães, sj
ONDE HÁ CRISE, HÁ ESPERANÇA
Um pensamento para cada dia: ver em tudo o que acontece uma oportunidade de crescimento

.