Águias domina primeira etapa do Nacional que homenageou Miguel Jourdan

João Pereira, do Benfica, e Ana Filipa Santos, do CD “Os Águias” de Alpiarça, venceram este domingo oTriatlo de Alpiarça – Miguel Jourdan, em masculinos e femininos. Na primeira etapa do Nacional de Clubes, o Benfica triunfou coletivamente nos homens, enquanto nas mulheres foi a equipa da casa a assumir a liderança da competição que, este ano, tem apenas quatro etapas.

A nível coletivo, Benfica, o CD “Os Águias” de Alpiarça e o Garmin Olímpico de Oeiras foram os três primeiros classificados masculinos, enquanto o CD “Os Águias” de Alpiarça, o Belenenses e o Sporting ocuparam o pódio feminino.

Na Prova Aberta, que decorreu antes da principal, venceram o juvenil do CN Torres Novas, Ricardo Batista, com 33:20, e a juvenil Gabriela Ribeiro, do Alhandra Sporting Clube, com 35:46.

Antes da partida da prova principal do Triatlo de Alpiarça – Miguel Jourdan lembrou-se o homem que dá nome à prova e que tantas saudades deixou no triatlo nacional. E fez-se também um minuto de silêncio por Rui Gameiro, atleta que faleceu na passada semana.

Foi com a voz embargada que Henrique Santana, presidente do CD “Os Águias” de Alpiarça, recordou a memória de Miguel Jourdan, uma das grandes figuras do triatlo nacional que faleceu há cerca de dois anos, treinador da casa e homem que faz muita falta entre todos os que o conheciam.

“Esta moldura humana extraordinária é a melhor homenagem que ao Miguel Jourdan”, afirmou um emocionado dirigente, na presença da mulher e irmã do antigo selecionador nacional de triatlo.

Desde o ano passado que o Triatlo de Alpiarça tem o nome do antigo internacional português e técnico. “Temos saudades do Miguel”, comentou Fernando Henriques Feijão, presidente da Federação de Triatlo de Portugal, nos momentos antes à partida da prova principal, já com os atletas encostados, dentro de água, ao paredão da barragem dos Patudos.

João Pedro Arraiolos, vereador para o desporto da autarquia local, salientou que a prova de Alpiarça “realiza-se há já 25 anos, tendo este ano batido o seu recorde de participantes, com mais de 500 atletas a competir” e uma centena de voluntários a ajudar na organização.

.