Noticia O Almeirinense: Recurso apresentado para evitar fecho da Escola da Raposa

Face ao fecho definitivo da Escola EB de Raposa, como o Almeirinense adiantou, a Junta de Freguesia de Raposa Câmara Municipal de Almeirim e os Pais vão recorrer para que haja uma autorização excepcional com vista à manutenção da escola para o próximo ano lectivo.

“Foi com enorme tristeza que recebemos a resposta do fecho definitivo da nossa escola. Como a mesma se encontrava encerrada desde o ano de 2010, mas a funcionar com autorização a titulo excepcional, tínhamos a esperança que os nossos argumentos mais uma vez conseguissem chegar aos corações dos nossos dirigentes, facto que não se verificou, estamos numa altura em que só os números contam. Nesta altura o sentimento é de perda, estamos perante o fim de um ciclo muito importante das nossas vidas, foi nesta escola que os nossos familiares, nós próprios, os nossos filhos, adquiriram os valores morais, culturais, pessoais, que fazem de todos nós as pessoas que somos hoje”, sublinha a Presidente da Junta Cristina Casimiro.

“Não está em causa a qualidade do ensino noutra escola, o que nós reedificamos é a proximidade das nossas crianças no seu meio, o apoio que têm tido da Junta que sempre trabalhou no sentido de proporcionar uma boa qualidade de vida e de ensino, organizando assim os transportes de modo a que as crianças estivessem um horário que lhes permitisse estar o menor número de horas fora de casa, nem que para isso a Junta tivesse que fazer mais viagens e aumentar os gastos”, destaca ainda a Presidente da Junta.

Para evitar o fecho, a Junta assume ter feito tudo o que estava ao alcance nestes últimos anos, para levar para escola da Raposa alunos a outras Freguesias, como São José da Lamarosa, Fazendas de Almeirim e Paço dos Negros.

.