CENFIM – 30 anos na “Via do Futuro”

O Diretor do CENFIM – Núcleo de Santarém (Centro de Formação Profissional da Indústria Metalúrgica e Metalomecânica) desde 1996, diz que está de corpo e alma no centro de formação. De acordo com a sua visão, “através dos nossos sentidos, podemos adquirir a sabedoria e o conhecimento por forma a aplicar em qualquer situação da nossa vida quotidiana, de modo a podermos evoluir como pessoas e como profissionais, estando sempre aptos e recetivos a aprender…para podermos atingir e concretizar os nossos objetivos”. Em relação ao Núcleo de Santarém, que dirige relata que “trabalhamos no caminho do futuro! A nossa Missão, Valores, Visão e Política conduzem-nos para ir de encontro com as necessidades das pessoas, tanto a nível interno como externo, para a empregabilidade que damos e que tentamos fornecer a todos aqueles que vêm ao nosso encontro. Estes 30 anos com os olhos postos no futuro, têm como intuito qualificar, dignificando as pessoas ao mesmo tempo que vão procurando inovar para lhes dar as ferramentas para o futuro”.

O CENFIM como Centro de formação Certificado pela APCER, encontra-se devidamente acreditado pelas normas NP EN ISO 9000 (sistema de gestão da qualidade), ISO 14001 (sistema de gestão ambiental), NP 4427 (recursos humanos), NP 4469 (responsabilidade social) e OHSAS 18001 (sistema de gestão segurança e saúde do trabalho), sendo que estes são os principais referenciais a nível nacional e internacional que acreditam o CENFIM para o desenvolvimento da sua atividade como Centro de Formação Profissional. A acreditação do CENFIM estende-se também à ACT, DGERT, EDP, AUTODESK.Fomos considerados um dos melhores fornecedores de recursos humanos, que as nossas empresas e o nosso país tem.  Os nossos formandos com a formação na área da eletromecânica, podem junto da Direção Nacional da Energia e Geologia obter a carteira profissional. A área da soldadura, fortemente implementada e desenvolvida no Núcleo de Santarém, tem acreditação internacional de grande prestígio EWF/IIW (Federação Europeia de Soldadura e Instituto Internacional de Soldadura), pelo que ao longo dos anos temos tido a possibilidade de acreditar e qualificar soldadores a nível internacional, refere Tiago Vieira da Cruz.
A ideia da criação deste centro teve como o objetivo a formação dos trabalhadores das empresas da região, com o intuito de poderem aperfeiçoar as suas competências e especializarem-se na sua atividade profissional. Paralelamente a isso, o CENFIM iniciou também um sistema de formação inicial com os jovens para poder dar continuidade ao futuro das empresas.

O Sistema de Aprendizagem que abrange os jovens “é a nossa menina dos olhos”, pois garante 100% de empregabilidade. As áreas de formação do CENFIM e os modelos de formação são bastante diversificadas nomeadamente Formação em regime de receitas próprias à medida das necessidades das empresas, Formação de formadores (pretendemos que os nossos formadores sejam os melhores dentro dos melhores), Formação Modular Certificada para Adultos, EFA – Educação e Formação de Adultos, com dupla certificação, processos de revalidação de competências, bem como CET – Cursos de Especialização Tecnológica – Nível V, os quais garantem a continuidade da formação universitária, “os jovens que passam pelo CENFIM têm trabalho assegurado e por vezes são os criadores do seu próprio emprego”.  No passado mês de agosto vários jovens formados no CENFIM, estiveram no World Skills em São Paulo no Brasil, os quais integrados na Equipa Portuguesa, trouxeram para o nosso país várias medalhas em diversas saídas profissionais do nosso setor.
O Diretor do Núcleo de Santarém, considera que a formação modular certificada e a aprendizagem são a grande essência da atividade desenvolvida nesta Unidade do CENFIM. Os cursos que têm mais sucesso e em que a procura por parte das entidades empregadoras é maior que a oferta são a área da eletromecânica e da soldadura.  Temos também outras áreas de intervenção como a maquinação convencional e por CNC, leitura e interpretação desenho, automação, pneumática, hidráulica, refrigeração e climatização, entre outras.

O CENFIM tem nos seus quadros a nível interno cerca de 145 colaboradores que em conjunto com todos os colaboradores externos e formadores, desenvolvem a sua atividade para que os nossos formandos concretizem os seus objetivos formativos com sucesso. Em 2014 passaram pelo CENFIM 13700 formandos, que frequentaram 900 ações de formação, num total de 240 000 horas, sendo que para o corrente ano pretende-se superar o número de pessoas (14500), número de horas idêntico e num total de 1000 ações de formação.  O principal objetivo é formar profissionais “a saber fazer”, pois nos nossos dias as empresas exigem caraterísticas específicas, tais como: atitude, comportamentos, empenho e humildade, características que valorizarão as pessoas e dão empregabilidade. O CENFIM encontra-se no bom caminho para com sustentabilidade e visão no futuro poder elevar o valor da formação profissional.

.