Almeirinenses acusados de tráfico vão continuar presos

Os sete almeirinenses envolvidos no tráfico de pessoas vão continuar em prisão preventiva e domiciliária. Têm sido ouvidas testemunhas, mas antes do final do ano não devem ser alteradas medidas.

 

Saiba mais na edição impressa já nas bancas.

.