Da esquerda para a direita: Trabalho. Honestidade. Competência

Apesar de não termos o mesmo espaço e destaque que foi dado ao Sr. Presidente da Câmara e, consequentemente, ao PS, aceitámos o repto de fazermos também um balanço da atividade da CDU dos 1000 dias de mandato autárquico. Propomos um olhar, necessariamente sintético, sobre o que se fez e o que se pode e deve ainda fazer. Executámos o trabalho que os almeirinenses nos confiaram em outubro de 2013: fiscalização da atividade da maioria absoluta do PS, no sentido da defesa de uma vida melhor para os cidadãos. Tem sido uma tarefa árdua, dificultada por uma “síndrome de maioria absoluta” de que padece a atual maioria. Com o rigor e exigência que aplicámos, conseguimos que hoje haja mais transparência na gestão da autarquia. Mas muito há ainda a fazer neste capítulo. A articulação entre os eleitos da CDU dos diferentes órgãos autárquicos foi uma constante, permitindo defender melhor as opções e estratégias que consideramos importantes.
Destacamos algumas áreas que têm merecido a atenção da CDU.
Espaços verdes, ambiente e qualidade de vida : questionámos a falta de substituição de árvores mortas, propusémos mais floreiras nos locais públicos, mais higiene e limpeza das ruas. Pressionámos a reabertura do salão de chá da Zona Norte. Alertámos para o estado em que se encontra a Vala Real, defendendo a intervenção de profissionais, em articulação com a Agência Portuguesa de Ambiente, na limpeza das margens e erradicação das infestantes, permitindo a utilização deste espaço pela população.
Ordenamento do Território: defendemos a revisão urgente do Plano Diretor Municipal (PDM). O atual não se adequa à realidade e por isso somos frequentemente confrontados com alterações avulsas, que mais não são que remendos que contrariam o objetivo de se conseguir um território corretamente ordenado.
Turismo: insistimos na implantação de um posto de turismo junto aos restaurantes, bem como na requalificação da zona com a criação de um espaço pedonal com um arranjo paisagístico de qualidade, que proporcione um espaço agradável e convidativo a quem nos visita.
Património: propusémos que se estudem soluções que contribuam para a defesa e valorização do mesmo, nomeadamente o túnel do Paço Real, junto ao mercado municipal e as ruínas do Paço Real da Ribeira de Muge, em Paço dos Negros.
Serviços públicos: estivemos junto da população promovendo um abaixo-assinado a exigir a colocação de mais médicos em Almeirim. Manifestámos a nossa oposição à constituição de um centro hospitalar que agregasse o Hospital de Santarém e o Centro Hospitalar do Médio Tejo. Também a recuperação das extensões de saúde de Benfica do Ribatejo e de Fazendas de Almeirim acontecem depois do alerta deixado pela CDU sobre a existência de amianto naquelas instalações.
Estes são apenas alguns dos exemplos do que a CDU tem feito em prol dos cidadãos do concelho, tendo sempre presente a sua máxima: “Trabalho, Honestidade, Competência”. Os almeirinenses sabem que podem continuar a contar connosco!

Sónia Colaço
Os Verdes e da CDU de Almeirim

.