Não há soluções, há caminhos: 3 de maio

João Baptista, o profeta, era um homem austero, vivia no deserto, vestia e comia rudemente. Cristo tinha um estilo bem diferente: diz-se que ia a festas e até que andava com gente pouco recomendável. Ao primeiro, acharam-no louco, e ao segundo, comilão. Rejeitaram os dois. Afinal, não é uma questão de estilo… Fica sim, claro, que não queremos quem nos incomode, mesmo que seja para nosso bem.
Vasco P. Magalhães, sj

.