Não há soluções, há caminhos: 23 julho

Há pessoas tão infelizes! Sim, porque realmente a vida lhes corre mal com problemas, injustiças, doenças. Mas o que ainda faz mais impressão é encontrar aquelas pessoas que se fazem infelizes. Aquelas para quem está sempre tudo mal, para quem o que têm nunca chega, para quem cada coisa constitui uma dificuldade, que encaram o futuro com angústia e horror… Ora isto não é sério. Fazer de tudo um caso sério não é nada sério. E pode curar-se com outra educação… desde pequenino. Ser feliz, aprende-se!

Vasco P. Magalhães, sj

.