Recolha de medicamentos este sábado nas farmácias do concelho

O Banco Farmacêutico promove hoje, sábado, 23 de fevereiro, mais uma recolha de medicamentos, uma iniciativa que conta com o apoio de mais de 200 farmácias de todo o país e se destina a apoiar os utentes de 100 instituições de solidariedade social.


A campanha decorre entre as 09h00 e as 19h00, nas farmácias a recolher os medicamentos não sujeitos a receita médica e produtos de saúde que serão depois distribuídos pelas instituições de solidariedade, uma iniciativa semelhante à do Banco Alimentar contra a Fome. A coordenação local está a cargo de Rosarinho Salavessa.


Os medicamentos doados têm de ser novos, seguros, de qualidade e que não tenham saído do circuito do medicamento, ou seja, são apenas aceites medicamentos dispensados nas farmácias.


Missão do Banco Farmacêutico


A principal ação do Banco Farmacêutico é a Jornada Anual de Recolha de Medicamentos que apela aos donativos feitos por pessoas singulares e farmácias, tendo em consideração as necessidades reais de pessoas apoiadas por instituições de solidariedade social. As Jornadas de Recolha de Medicamentos têm lugar todos os anos num sábado do mês de Fevereiro, coincidindo, se possível, com o dia 11 de fevereiro, data em que se assinala o Dia Mundial do Doente. No dia da Jornada é possível entrar numa farmácia aderente e comprar um medicamento não sujeito a receita médica, que será entregue a Instituições de Solidariedade Social que apoiam pessoas em situações mais vulneráveis e com reais necessidades.

Na última Jornada de Recolha de Medicamentos, realizada em 23 de fevereiro de 2018 participaram duzentas e vinte farmácias, seiscentos voluntários e também milhares de portugueses que ajudaram cem Instituições de Solidariedade Social, através da doação de quinze mil medicamentos e produtos de saúde, com o valor estimado de 65.000 mil euros.

Atá à última Jornada, o Banco Farmacêutico ajudou instituições de solidariedade social com 97.000 medicamentos e produtos de saúde.

.