Não há soluções, há caminhos: 24 março

Devíamos pedir continuamente para nós e para os outros a sabedoria e a fortaleza, dois grandes dons do Espírito, que nunca existem em demasia e é importantíssimo pedir. A sabedoria, que é o saber ver, o discernimento profundo das coisas, o perceber-lhes o interior e o conjunto (porque muitas vezes percebemos o interior e perdemos o conjunto, e outras vezes percebemos o conjunto e perdemos o pormenor). E a fortaleza é não perder o ânimo de crescer e de melhorar, mesmo no meio de grandes fraquezas e pecados, é perceber que se pode recomeçar sempre.
Vasco P. Magalhães, sj
ONDE HÁ CRISE, HÁ ESPERANÇA

.