Não há soluções, há caminhos: 2 agosto

Não é que não possamos por natureza ser tímidos ou medrosos, isso não interessa muito, o que interessa é saber que pela graça de Deus, pela experiência que já tive tantas vezes, Ele não me abandonará quando enfrentar os problemas que vêm aí. Desta convicção profunda resulta a confiança e a esperança.
Vasco P. Magalhães, sj
ONDE HÁ CRISE, HÁ ESPERANÇA
Um pensamento para cada dia: ver em tudo o que acontece uma oportunidade de crescimento.

.