Não há soluções, há caminhos: 5 outubro

Cada um não é para si, cada um é para o outro, e ser totalmente para o outro, como se diz de Cristo, é esvaziar-se. Na medida em que eu me esvazio do meu egocentrismo e do super-ego, torno-me e encontro o meu eu (ego) mais profundo. Esta humildade, em vez de me despersonalizar faz-me encontrar quem sou, é vir ao meu eu mais profundo, deitando abaixo as imensas capas de aparências e de falsos egos que me dão seguranças exteriores. Então a humildade está no exercício de passar dos falsos eus ao verdadeiro Eu.
Vasco P. Magalhães, sj
ONDE HÁ CRISE, HÁ ESPERANÇA
Um pensamento para cada dia: ver em tudo o que acontece uma oportunidade de crescimento.

.