Não há soluções, há caminhos: 20 de junho

O consumismo é uma doença. É uma mentalidade subtil, sorrateira, que faz pensar que não se é feliz se não se tem mais isto e aquilo… Está-se sempre insatisfeito. A doença torna-se grave quando se começa a olhar para os outros e a competir para ter mais do que eles. Torna-se mortal quando já não dou valor às coisas, nem às pessoas! O ter mata a convivência.
Vasco P. Magalhães, sj
NÃO HÁ SOLUÇÕES, HÁ CAMINHOS
365 vezes por ano não perguntes porquê, mas para quê.

.