Crematório de Almeirim atinge novo máximo

Depois de 50 cremações em janeiro, o Jornal O ALMEIRINENSE sabe que até ao momento já se realizaram 73 nos primeiros 14 dias deste mês.

A maioria das pessoas cremadas não são do concelho e terão sido residentes em Setúbal, areá de Lisboa e até Alentejo.

Em janeiro registou-se um máximo histórico diário com seis cremações. Desde que o crematório abriu em junho de 2020 este é o máximo diário, e seriam todos residentes no distrito.

A Junta de Freguesia de Almeirim cobra 200 euros para residentes no concelho e 230 para os não residentes.

.