Novo clube de praticantes

DESPORTO No dia 14 de maio, o grupo Madrugas foi constituído oficialmente como Clube de Praticantes e atualmente denomina-se como Madrugas de Almeirim Running Team.

Miguel, pode contar-nos como e quando surgiu este grupo de corrida?
Este grupo, que foi batizado em abril de 2017, surgiu, de uma forma espontânea, quando eu e o Ricardo Lourenço começámos a correr juntos no outono anterior.

O nome como surgiu?
O nome vem pelo facto de treinarmos de madrugada. A grande maioria dos nossos treinos é feita entre as 5:30h e as 7:00h.

Quantos elementos tem e teve?
Este grupo (hoje Clube Praticante da Corrida) veio, ao longo dos 4 anos, sempre a crescer. Por cá já passaram muitos companheiros, outros felizmente cá continuam desde 2017 e, de momento, somos cerca de 30 atletas.

O que distingue este grupo de outros?
Não querendo fazer comparações, o “Madrugas de Almeirim Running Team” tem um espírito muito próprio que assenta em três grandes pilares, são eles: Respeito, Companheirismo e Compreensão. É esta a nossa Identidade e queremo-la preservar.

O que vos levou a criar uma Associação “Madrugas de Almeirim Running Team”?
Pensamos que estava na hora de levarmos um pouco mais a sério a dedicação, o carinho e a paixão que temos e demonstramos pela corrida. Por sua vez, houve também a preocupação de mantermos o nome connosco, visto que Madrugas já tem uma projeção muito grande nas redes sociais. Mesmo com a pandemia, nunca baixámos a guarda, estivemos cerca de dois meses a treinar juntos, mas cada um com o seu percurso e distância.

O que se propõem, a fazer, agora que são clube?
Estamos a estudar várias vertentes dentro da corrida. O objetivo principal é incentivar mais pessoas à iniciação da atividade física. Queremos contribuir para o decréscimo da taxa de sedentarismo. Não tem que ser só corrida, pode ser caminhada.

“Somos um clube sem índole competitiva, queremos que mais pessoas se juntem a nós (…)”

O que muda daqui para a frente?
O que irá mudar, será melhorar em muito o que já fazemos. Somos um clube sem índole competitiva, queremos que mais pessoas se juntem a nós, que percebam que, nos dias de hoje, a atividade física é uma componente fundamental para o bem-estar físico e psíquico. Há sempre tempo para o exercício físico, a determinação é peça chave para tal acontecer.

No plano mais pessoal: O que o levou a começar a correr?
Em primeira instância, o excesso de peso. Quando iniciei a minha atividade física, caminhei durante 3 meses, só depois passei a correr dentro das minhas limitações.

Quanto pesava nessa altura?
Pesava 103 kgs, hoje peso 65 kgs

O que melhorou a sua vida desde que corre?
Posso afirmar de viva voz que melhorou em tudo. Fisicamente, mentalmente e comportamento emocional…

Quantos km faz em média, por mês?
A média não tenho presente, mas nunca faço menos de 300 km, ultimamente tenho feito 500 km mês, mas ando sempre na casa dos 400 km mês.

Leave a Reply

Your email address will not be published.