GNR fiscalizou 6712 motociclos e ciclomotores em Operação Moto 2020

A Guarda Nacional Republicana (GNR) realizou uma operação para sensibilizar os condutores de motociclos e ciclomotores do concelho de Almeirim sobre como prevenir comportamentos de risco onde existe maior tráfego.

A iniciativa, que decorreu de 7 a 13 de julho, fiscalizou 6712 veículos de duas rodas dos concelhos de Portugal, contando também com Almeirim. No total do país, registou-se 58 crimes e 695 contraordenações.  

Segundo a mesma fonte, dos 58 crimes, 41 foram por falta de carta de condução próprios para conduzir veículos de duas rodas e 14 pelo consumo excessivo de álcool. A GNR registou também 695 contraordenações, onde 122 foram devido à iluminação e sinalização, 42 por falta de seguro de responsabilidade civil obrigatório, 41 por excesso de velocidade, 36 por excesso de álcool no sangue, 31 por falta ao mau uso do capacete e 16 relacionadas com pneus.

No domingo, dia 12 de julho, a GNR também organizou um conjunto de passeios de sensibilização para os motociclistas e sensibilizou 346 condutores e contou com 68 militares.

Para além da GNR, a operação também contou com militares dos Comandos Territoriais e da Unidade Nacional de Trânsito (UNT). Sobre a operação, a GNR relembra que serviu para “inverter a tendência do aumento da sinistralidade que tem vindo a verificar-se com os motociclos, e de contribuir para um ambiente rodoviário mais seguro”.

Mariana Cortez

.