Não há soluções, há caminhos: 17 de dezembro

Estes dias que vão correndo, todos sentimos o desejo de viver num mundo mais justo e mais pacífico. Para fazer a paz é preciso ser forte, por dentro, isto é paciente e manso para aguentar as dificuldades sem desistir do bem. Fortaleza nada tem a ver com violência: esta é ingénua, impulsiva e nada constrói. A violência é sinal de fraqueza moral e espiritual.
Vasco P. Magalhães, sj
NÃO HÁ SOLUÇÕES, HÁ CAMINHOS
365 vezes por ano não perguntes porquê, mas para quê.

.