100 infrações em operação da GNR de Covid-19

O Comando Territorial de Santarém, no dia 23 de outubro, detetou cerca de 100 infrações durante uma operação com o objetivo de fiscalizar as novas medidas impostas pela situação de calamidade no âmbito da pandemia COVID-19.  

A operação, teve como objetivo garantir o cumprimento das medidas decretadas, essencialmente no aconselhamento da não concentração de pessoas na via pública, ao cumprimento das normas de ocupação, permanência e distanciamento em espaços e estabelecimentos, ao encerramento dos estabelecimentos e a cessação das atividades conforme estabelecido no atual regime, cumprimento das normas relativas à venda e consumo de bebidas alcoólicas e à recomendação de uso de máscara ou viseira a pessoas com idade superior a 10 anos para o acesso, circulação ou permanência nos espaços e vias públicas.

Com esta operação, em que foram empenhados 50 militares do dispositivo territorial e de trânsito, foi possível fiscalizar estabelecimentos e pessoas na maioria dos concelhos do distrito de santarém, tendo resultado na elaboração de cerca de 100 autos de contraordenação, destacando-se os seguintes:

·         68 por não utilização de máscara ou viseira;

·         11 por aglomerado superior a cinco pessoas;

·         Oito por consumo de álcool na via pública;

·         Seis por excesso de lotação do veículo;

·         Três por inexistência de corredor de circulação em estabelecimento;

·         Dois por incumprimentos do distanciamento entre mesas;

·         Um por venda de álcool depois do horário estabelecido;

·         Um por inexistência de indicação de lotação máxima.

A Guarda Nacional Republicana continuará a desenvolver esforços de sensibilização e fiscalização para o cumprimento da legislação vigente, no sentido de conter a disseminação da COVID-19.

.